Partilhar

Um sofrimento contínuo

Março Um sofrimento contínuo 27, 2021

Como esta pandemia de Covid-19 tem sido difícil para tantas famílias pobres, que estão imersas num sofrimento contínuo para tentarem obter o que precisam para comer.

Temos o prazer de vos dizer que ontem estávamos a distribuir alimentos às famílias mais pobres das nossas raparigas. A distribuição teve lugar na cidade de Cuzco. Precisamente neste mês de Março que a Igreja se reserva para honrar o nosso Patriarca São José e não apenas este mês, uma vez que graças ao pedido do Santo Padre Francisco o ano inteiro será dedicado a este Patriarca abençoado, São José continuou a mostrar-se grande connosco. 

Conseguimos distribuir 8 toneladas. A situação actual do Peru e de tantas famílias não é nada fácil, elas sofrem muitas dificuldades e muitas vivem apenas do que os Missionários lhes distribuem, por isso agradecemos a todos do fundo do nosso coração pela sua ajuda, especialmente pelas suas orações contínuas e fervorosas.

Não esqueçamos, caros irmãos e irmãs, que esta Quaresma é um tempo de misericórdia e de esmola. O jejum e a oração não podem ir sozinhos, mas devem ser acompanhados por uma esmola.

"A oração chama, o jejum intercede, a misericórdia recebe" (São Pedro Crisólogo).